Logo Funeso

Portal do Aluno

 

 

LICENCIATURA PLENA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

 

 

 

 

O CURSO:

 

O curso de Licenciatura Plena em Ciências Biológicas, estruturado de acordo com as diretrizes Curriculares Nacionais (Resolução CNE/CES n04, de 19 de fevereiro de 2002), com a legislação pertinente e organizado à luz do Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI,tem comomissão,concatenadacomamissãoda FUNESO: contribuir comacidade, oestado, a região nordeste e o país, para seu desenvolvimento econômico, social, cultural e ambiental, preparando recursos humanos atuantes em diversas áreas do saber, através da oferta de ensino superior de qualidade, dirigido à formação de profissionais críticos, éticos,  reflexivos, inovadores, capacitados a interagir com seu meio, e imbuídos do papel de agentes de transformação social, construindo um processo de ensino-aprendizagem que utilize uma prática interdisciplinar a qual valorize a aquisição do conhecimento em suas dimensões locais, regional e global.

 

GRADE CURRICULAR: 

 

Matriz Curricular 2011.1

 

 

 

O QUE LHE RESERVA A CARREIRA:

 

O Curso de Licenciatura Plena em Ciências Biológicas visa capacitar profissionais detentores de princípios básicos de uma formação generalista, de forma que possam atender a demanda de mercado por mão de obra especializada e competente, para atuação no Ensino Fundamental e no Ensino Médio bem como em áreas de pesquisa e extensão da Biologia, em conformidade com as resoluções CFBio nº 213, de 20 de março de 2010 e nº 227, de 18 de agosto de 2010.

 

 

 

PRINCIPAIS FUNÇÕES:

 

O licenciado em Biologia terá ampla capacidade de atuação profissional tanto como professor de Biologia para os ensinos Fundamental e Médio, sua missão precípua, com sólida formação biológica e didático - pedagógica, para atuar em todas as redes de ensino, bem como, de acordo com a Resolução CFBio nº 213/2010, para atuar em pesquisa, projetos, análises, perícias, fiscalização, emissão de laudos, pareceres e outros serviços nas áreas de meio ambiente, saúde e biotecnologia.

 

 

 

PRINCIPAIS ATIVIDADES:

 

O profissional egresso do Curso de Licenciatura Plena em Ciências com Habilitação em Biologia da Fundação de Ensino Superior de Olinda - FUNESO, vivenciando um processo de formação ampla e generalista e apresentando um repertório de conhecimentos, habilidades, valores e atitudes que expressem o seu compromisso com a ética, com a construção da cidadania e com a harmonia do meio ambiente deve estar em condições de realizar as seguintes atividades:

 

  • Analisar e compreender as implicações sociais, científicas e tecnológicas no processo evolutivo das populações, na perspectiva de que tais avanços possam ser revertidos em melhorias para a sociedade;

 

  • Desenvolver processos de ensino e pesquisa na área de Biologia, com domínio de conteúdos, metodologias, técnicas e instrumentos das ciências biológicas;

 

  • Atuar em pesquisa nas diferentes áreas das ciências biológicas e áreas afins, gerando conhecimentos básicos ou aplicados;

 

  • Utilizar novas tecnologias no desempenho da atividade de pesquisador;

 

  • Atuar na docência do Ensino Superior;

 

  • Atuar em equipes multidisciplinares de pesquisa ou de obtenção de produtos biotecnológicos;

 

  • Detectar as vocações de uma região a partir dos seus aspectos climáticos, biológicos, físicos ou químicos, para desenvolver estudos de viabilidade e implantação de novos empreendimentos;

 

  • Elaborar, analisar e gerenciar projetos de ensino e pesquisa, viabilizando resultados relevantes socialmente;

 

  • Presidir e organizar eventos que consolidem e divulguem projetos ambientais e biotecnológicos;

 

  • Dirigir, administrar e gerenciar empreendimentos e, ou, instituições que desenvolvam projetos no âmbito de sua especialidade;

 

  • Realizar perícias e análises ambientais;

 

  • Emitir laudos e pareceres técnicos;

 

  • De acordo com o Decreto Federal n. 85.005/80, o biólogo pode ainda: formular e elaborar estudo, projeto ou pesquisa científica básica e aplicada que se relacionem à preservação, saneamento e melhoramento do meio ambiente, executando direta ou indiretamente as atividades resultantes desses trabalhos.

 

 

 

REGULAMENTAÇÃO:

 

De acordo com os seguintes instrumentos do Ministério da Educação: Decreto nº 83.857 de 15 de agosto de 1979, Parecer do Conselho Federal de Educação nº 758/85 e Portaria nº 1086, publicada no Diário Oficial da União em 3 de janeiro de 1986.

 

 

DURAÇÃO: 8 períodos

 

 

Carga Horária Teórico-Prática: 2.584 h

Prática Pedagógica: 544 h

Estágio Supervisionado: 400 h

Atividades Acadêmicas Científicas Culturais: 200 horas

Carga Horária Geral: 3.728 h